LilianreinhardtArte.prosaeverso.net

Sensíveis Cordas!

Textos

 



A primeira linguagem artística dos nossos ancentrais foi visual, desenhos, gravuras, pinturas, em cavernas, criptas, rochas, isto há mais de quarenta mil anos. A necessidade de expressão, de comunicação artística manifestou-se antes da forma gráfica,escrita, por sinaiS VISUAIS . E essas pinturas, essas esculturas, essas gravuras em ossos, pedras, esses entalhes na pedra bruta desafiam até hoje a ciência e o saber tecnológico moderno. Há ideogramas inseridos nos contextos visuais até hoje ainda indecifrados. Permanecemos indecodificáveis  em nossas expressões sensíveis desde o início dos tempos. Somos ainda inscrições rupestres , malgrado toda nossa pretensa sabedoria através de símbolos, signos, e nossa semiótica que abarrota os  compêndios acadêmicos e a mente dos estudiosos. Se hoje o cientista tem que ser filósofo para compreender o incompreensível de que se apercebe em suas experimentações laboratoriais, afirma a Ciência, e elaborar suas equações dentro lógica para os compêndios do mundo, isto nos leva mais a nos apercebermos de nossas incógnitas como seres em processo  e à mercê  das Leis da Natureza. Continuamos a projetar nossos desenhos, ideogramas, pinturas na caverna escura de Platão, da Vontade irascível de Schopenhauer, dos subterrâneos de Freud, recusando-nos a aceitar qualquer semente de mostarda que nos clareei mais a nossa quântica voragem...
Lilian Reinhardt
Enviado por Lilian Reinhardt em 10/08/2017
Alterado em 10/08/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras