LilianreinhardtArte.prosaeverso.net

Sensíveis Cordas!

Textos


Artwork by LReinhardt


                        INSCRIÇÕES
                     (Memorial de Zocha)
                           reedição
       
Haviam inscrições de  todas as declinações , vocativos ,  ablativos desde antes do  nascimento, sem    qualquer preâmbulo, sem    preliminares de uma petitio , nominativos nascentes, morrentes...Zocha sentia-se estremecer sob o olhar de Sofia, onde deixara mesmo sua  vela? Agora escrevia no escuro, por longos anos escreveria em grossos espirais no escuro. Havia buscado em muitos mapas rústicos  os itinerários da rota perdida.  Houvera falar de  gaivotas que sobrevoavam mares de  aldeias  mas ela nunca as  vira,   e se sobreavoassem, as densas marolas  de nuvens confundiriam, como aos antigos ...  As tempestades haviam rompido as pontes, só  refletia o céu o poço fundo do elevador    e as floradas das cavernas  já haviam perdido os frutos ...a rua barrenta da Goiás agora era asfalto e espelho  as luminárias de neon...quantas passos seria  preciso caminhar no velho caminho  de Bizâncio  para reencontrar aquelas ruas ruelas, aqueles bueiros  sorrateiros do tempo,  as avenidas   cromadas  haviam entupido  as artérias da aldeia...
...................e o retrato caído da parede enquanto ....a angustia da fragilidade...
Lilian Reinhardt
Enviado por Lilian Reinhardt em 27/11/2016
Alterado em 28/11/2016

Música: Badinerie - Bach

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras